quinta-feira, 16 de novembro de 2017

Notícias | Terceiro livro de "Os Artifícios das Trevas" têm capa divulgada


O mistério acabou!

A série "Os Artifícios das Trevas"  se passa cinco anos após os acontecimentos Cidade do Fogo Celestial (Os Instrumentos Mortais) e tendo foco nos personagens de Emma Carstairs e em seu parabatai Julian Blackthorn.

Enfim o terceiro livro da série "Os Artifícios das Trevas" teve sua capa divulgada. A autora Cassandra Clare já havia mostrado parte da capa, mas vê-la por completo é ainda mais maravilhoso!

A Amazon e Idris Brasil postaram a sinopse de Rainha do Ar e da Escuridão” (Crônicas dos Caçadores de Sombras). Confira abaixo:

"E se a condenação for o preço do amor verdadeiro?
Sangue inocente foi derramado nas escadas do Salão do Conselho, a fortaleza sagrada dos Caçadores de Sombras. Após a morte de Livia Blackthorn, a Clave está à beira da guerra civil. Uma parte da família Blackthorn voa para Los Angeles, procurando descobrir a fonte da praga que está destruindo a raça dos feiticeiros. Enquanto isso, Julian e Emma tomam medidas desesperadas para colocar seu amor proibido de lado e realizar uma missão perigosa em Faerie a fim de recuperar o Volume Negro dos Mortos. O que eles encontram nas Cortes é um segredo que pode destruir o Mundo das Sombras e abrir um caminho sombrio para um futuro que nunca poderiam ter imaginado. Encontrando-se em uma corrida contra o tempo, Emma e Julian devem salvar o mundo dos Caçadores de Sombras antes que o poder mortal da maldição parabatai os destrua e a todos a quem eles amam."


A Editora Galera Record, ainda não informou sobre a data de lançamento. Espero que seja em breve, pois já quero o meu volume! 

Fonte: Idris Brasil


segunda-feira, 6 de novembro de 2017

Filme | Primeiro trailer oficial de Cinquenta Tons de Liberdade é divulgado


O último filme da série dos "Cinquenta Tons" chega aos cinemas em Fevereiro de 2018, e hoje (06/11) a Universal Pictures Brasil liberou o trailer oficial de "Cinquenta Tons de Liberdade". 

Para os que leram o segundo livro da série "Cinquenta Tons Mais Escuros", o último capítulo deixa o quesito "vingança" no ar , sugerindo que a união de ambos encontrará obstáculos e assim acontece. De início tudo são flores, mas o estilo controlador de Grey, fará Ana questionar sobre o seu casamento. Além disso Hyde está de volta aterrorizando não apenas Anastasia, como toda família Grey.

Exatamente quando Hyde aparece que a história comerá a ficar interessante, saindo da zona de conforto, o estilo "Tons de Cinza" que já conhecemos bem. O personagem de Hyde trás diversos problemas, contratempos, dinâmica, ação e mais revelações sobre o passado obscuro de Christian. 
Preparem-se!

Confira Trailer abaixo:


Resenha | Princesa Mecânica - Cassandra Clare - Livro 3




Autor: Cassandra Clare
Editora: Galera Record
Páginas: 434
Avaliação:
      


O terceiro e último livro da série "As Peças Infernais" descobrimos enfim a verdadeira origem de Tessa Gray. Assim que o livro se inicia, há uma introdução de um drástico acontecimento da família Starkweather, o qual tem ligação direta com a protagonista. Com a localização de Axel Mortmain ainda desconhecida, Charlotte novamente sente-se encurralada pelo Cônsul Josiah Wayland, que exige resultados. Enquanto Will precisa se adaptar novamente com a presença de sua irmã Cecily, os irmãos Lightwood sofrem uma grande decepção pela doença de seu pai Benedict Lightwood. E agora que Jem e Tessa estão noivos, o jovem toma uma medida desesperada para viver seu grande amor.

De todos os livros que li de Cassandra Clare, esse foi o mais impactante. Há um grande ciclo de histórias se interligando e muitas famílias envolvidas. Novamente o vilão Mortmain fará de tudo para colocar suas mãos em Tessa, porém sua ação afetará diretamente Jem Carstairs, deixando a vida do rapaz por um fio. Todos precisam se unir contra o inimigo chamado tempo, e tudo fica muito angustiante para o leitor. 

Nos outros dois livros, os caçadores de sombras fazerem de tudo para proteger Tessa, porém agora todos estão preocupados com o estado de saúde Jem Carstairs, mudando a dinâmica do grupo, fazendo-os ficarem vulneráveis pelo excesso de atenção que estão dedicando aos conturbados fatos que não param de acontecer. Além disso, cada personagem tem "um problema extra" que precisa resolver e a Clave mostra-se indecisa entre confiar ou não em Charlotte Fairchild. Mortmain revela todo seu potencial, semeando a guerra, usando todo mal com suas peças infernais imbatíveis e Tessa transformasse no imaginável para salvar aqueles que ama. 

Tudo é muito intenso. Will lutando para salvar seu parabatai, Tessa lutando para salvar Jem e Jem tentando salvar ambos. E você fica pensando: "Em um triângulo amoroso, um dos lados não pode acabar bem..." e então vem Cassandra Clare e simplesmente destrói seu coração e tudo que você imaginou para o final desses três personagens tão apaixonantes. 

Eu tive uma mega ressaca literária depois desse livro, não conseguia tirar a origem perfeita de Tessa Gray da cabeça, foi maravilhosa a forma que ela foi criada e escrita. E o que acontece com Jem... Como superar isso? Foi como ser Will Herondale e sentir a dor possuir seu corpo em busca de um significado para sobreviver após os fatos. E a criação de Henry Branwell e Magnus Bane? Foi brilhante! Parece que por mais que Magnus tentasse ir, sua história sempre estará ligada aos Shadowhunters. Sem falar das diversas despedidas entre tantos personagens queridos e marcantes dessa trilogia das Peças Infernais. 

Esse livro também possibilita que o leitor entenda melhor as famílias dos Caçadores de Sombras, tendo uma base sólida de quem foram os anteparados dos personagens das séries do tempo atual como "Instrumentos Mortais" e "Artifícios das Trevas". Compreendendo assim a herança genética dos cabelos ruivos dos Fairchild, por exemplo, ou uma arma de família como a espada Cortana de Emma Carstairs. 

Enfim, para você que nunca leu nada de Cassandra Clare, "As Peças Infernais" é um grande começo! Essa trilogia já se tornou uma das minhas favoritas e super recomendo para todos que amam histórias entre anjos e demônios. #Recomendo

sexta-feira, 3 de novembro de 2017

Curiosidades | Minhas leituras de Outubro



No mês passado iniciei várias leituras, queria ter terminado muitas delas, porém finalizei apenas duas. No começo de Outubro li  "Príncipe da Noite" e na segunda quinzena do mês li "Princesa Mecânica". Apesar de não terem sido muitos livros, fiquei muito feliz, já que ambos eram livros bem grandinhos da minha meta de leitura deste ano. Então, vamos lá!




Ao terminar o livro Príncipe da Noite, um enorme sentimento de vazio ficou no ar. Admito que gostei muito do contexto, não há pontas soltas ao longo da leitura, todos os fatos se entrelaçam perfeitamente dentro da mente dupla do protagonista Gabriel. Talvez por essa razão tenha criado muita expectativa. Li rapidamente, procurando as respostas, mal via à hora de acabar para saber como seria a vida de Gabriel quando seu segredo fosse enfim revelado, então a última página deixou claro quem é o assassino, mas também deixa muitas lacunas abertas o que foi um pouco decepcionante.




Já com "Princesa Mecânica" fiquei ainda mais apaixonada pela escrita de Cassandra Clare. Esse livro que encerra "As Peças Infernais" foi um misto de emoções e surpresas. Finalmente descobrir a origem de Tessa Gray uma das personagens mais intrigantes da autora, algo que queria a muito tempo saber e amei o modo como foi descrito sua origem. E o que falar do querido Jem? Foi impossível não se comover e chorar com os seus acontecimentos desse volume #AmoJem. Referente a Will, pode esperar muitos momentos emocionantes. Também há a conclusão do triangulo amoroso entre Tessa, Jem e Will, o que me fez terminar a leitura em suspiros. Enfim o cruel Magistrado teve um final justo para maldades. Simplesmente Maravilhoso. Para quem ainda não leu nada de Cassandra Clare, super recomendo que inicie pelas Peças infernais, você não irá se arrepender!


Espero que tenham gostado das minhas leituras de Outubro. Até as leituras de Novembro!

terça-feira, 31 de outubro de 2017

Citações do livro "Princesa Mecânica" (52)



" Eu acreditava, junto aquele que canta
Com uma harpa em tons profundos,
Que os homens podem se elevar
De suas vidas vãs e alcançar coisas maiores.
- Alfred, Lord Tennyson, ' In Memoriam A.H.H."

" Case na segunda e terá saúde,
Na terça, riqueza,
Na quarta, o melhor dos dias,
Na quinta, as aflições.
Na sexta, as perdas, e,
No sábado, nenhuma sorte.
- Versos folclóricos." - Pág. 19

 " As peças infernais não têm pena.
As peças infernais não têm arrependimento.
As peças infernais não têm número.
As peças infernais jamais deixarão de vir [...]
Que Deus tenha piedade de nossas almas. - Pág. 46-47


" Jem estava apoiado na lateral da carruagem do Instituto com os olhos fechados, o rosto pálido como papel. Will se colocou ao lado dele, e segurava com força seu ombro. Tessa percebeu, ao se aproximar, que não se tratava apenas de um gesto fraterno. A mão de Will era praticamente a única coisa que mantinha Jem de pé." - Pág. 50

" Prefiro que me conte a verdade, toda a verdade, seja ela amarga ou assustadora, pois quero dividi-la com você. Jamais permitiria que o mal se abatesse sobre você, nem sobre ninguém do Instituto. - Ele sorriu. ( Jem para Tessa) - Pág. 53


" - Nunca mandei embora alguém que tenha dito que não tinha para onde ir, e não vou começar agora. Só peço uma coisa. Permitir que alguém more no Instituto, no coração do Enclave, significa confiar nas boas intenções da pessoa em questão. Não faça com que me arrependa de confiar em você, Gabriel Ligtwood." (Charlotte para Gabriel) - Pág. 59


" - Sabe aquela sensação - disse ela - , quando está lendo um livro, e percebe que vai acontecer uma tragédia? Você sente o frio e a escuridão se aproximando, vê a rede se fechando em torno das personagens que vivem e respiram nas páginas. Mas está preso à história como se fosse arrastado por uma carruagem, e não consegue largar nem mudar o percurso? - Os olhos de Will estavam escuros e cheios de compreensão; claro que Will entendia, e ela continuou apressadamente: - Agora sinto como se isso estivesse acontecendo, exceto que não são personagens em uma página, mas amigos e companheiros queridos. Não quero ficar sentada enquanto a tragédia se aproxima. Eu a fastaria, só que luto para descobrir como isso pode ser feito.
- Você teme por Jem - disse Will.
- Sim - concordou ela. - E por você também." - ( Tessa e Will) - Pág. 61-62


" - Hábitos e anos não desaparecem tão rapidamente - declarou Tessa, com olhos tristes. - Não cometa o erro de acreditar que ele não a ama só age assim, Cecily. Confronte-o, se necessário, e exija a verdade, mas não cometa o erro de se afastar por achar que seu irmão é uma causa perdida. Não o tire do seu coração. Se fizer isso, vai se arrepender." (Tessa para Cecily) - Pág. 66


" - No começo, quando percebi que amava Tessa, achei que talvez fosse o amor que estivesse me fazendo bem. Há muito tempo, não tinha algum ataque. E quando eu a pedi em casamento, falei isso para ela. Que o amor estava me curando. Então, na primeira vez em que eu...na primeira vez em que aconteceu de novo, não tive coragem de contar, por medo de ela achar que meu amor estava diminuindo. Tomei mais da droga, para combater mais uma doença. Logo, comecei a precisar de mais droga para simplesmente me manter de pé do que costumava precisar para passar uma semana. Não disponho de anos, Will. Talvez sequer disponha de meses. E não quero que Tessa saiba. Por favor, não conte a ela. Não só por ela, mas por mim." ( Jem para Will) - Pág. 70


" Ela se inclinou para a frente e pegou a mão dele, pressionando-a com a própria. Seu toque era como fogo branco nas veias de Will. Ele não conseguia sentir a pele de Tessa, apenas o tecido das luvas, mas não tinha importância. Você me acendeu, monte de cinzas que sou, e me transformou em fogo. Certa vez, ele imaginou por que o amor era sempre fraseado com termos de chamas. A conflagração em suas próprias veias, neste instante ofereceu a resposta." - Pág. 91


" - Talvez, mas não existiria sem uma mulher, existiria? Por menos utilidade que enxergue em nós, somos mais inteligentes, determinadas e pacientes do que os homens. Homens podem ser mais fortes, mas são as mulheres que sobrevivem." ( Tessa para Woolsey Scott) - Pág. 100


" - Sei exatamente quem você é. É Will Herondale. - Isso foi tudo que Tessa disse, e , de repente, os braços dele a envolveram, e ele estava com a cabeça no ombro dela. No início, ela ficou paralisada, por puro espanto, em seguida, retribuiu o abraço, segurando-o enquanto tremia. Ele não estava chorando; era algo diferente, uma espécie de ataque, como se estivesse engasgando. Sabia que não deveria tocá-lo, no entanto, não conseguia imaginar Jem querendo que ela afastasse Will em um momento como este. Ela não podia ser Jem para ele, pensou, não tinha como ser a bússola que sempre apontava o norte, mas podia, no mínimo, ajudar a tornar o fardo mais leve." - Pág. 102


" - Está apaixonado por ele? - perguntou Woosey: era curiosidade e não ciúme. Magnus ficou imaginando como seria ter um coração assim ou não ter um coração algum.
- Não - respondeu. - Já ouvi dizer que quando você salva uma vida, se torna responsável por ela. Eu me sinto responsável por esse garoto. Se nunca for feliz, vou achar que falhei com ele. Se não puder ter a garota que ama, vou achar que falhei com ele. Se eu não conseguir manter seu parabatai por perto, vou achar que falhei com ele." (Magnus falando sobre Will) - Pág. 103


" Se me oferecessem novamente o ano passado, 
E a escolha entre o bem e o mal me fosse apresentada, 
Será que eu aceitaria o prazer com a dor
Ou ousaria desejar jamais termos nos conhecido?
Augusta, Lady Gregory. If the Past Year Were Offered Me Again" - Pág. 126


" Oh, o que brilha mais que luz?
O que é mais escuro que a noite?
O que é mais afiado que um machado?
O que é mais suave que cera derretida?

A verdade brilha mais que a luz,
A falsidade é mais escura que a noite.
A vingança é mais afiada que um machado,
E o amor, mais suave que a cera derretida." - Pág. 139


" Às vezes, a pessoa deve escolher entre ser generoso ou honrado, Will lhe dissera. Às vezes é impossível ser os dois." - Pág. 152


" - Tessa - disse. - Falou sério? Sobre se casar comigo amanhã?
Ela levantou o queixo e olhou diretamente nos olhos dele. Não suportava a ideia de esperar ou desperdiçar mais um instante da vida do noivo. Súbita e furiosamente quis estar ligada a ele - na saúde e na doença, na alegria e na tristeza -, ligada a uma promessa, e capaz de lhe dar sua palavra e seu amor sem se conter.
- Falei - respondeu. " ( Tessa para Jem) - Pág. 153


" - Lembra-se do que falei para você naquele dia, na sala de estar - disse. - Quero que você seja feliz, e ele também. No entanto, quando você atravessar a igreja para encontrá-lo e se unir a ele eternamente, estará pisando em uma trilha invisível dos cacos de meu coração, Tessa. Eu abriria mão  da minha própria vida por qualquer um de vocês. Morreria pela felicidade dos dois. Achei que talvez, quando me disse que não me amava, que meus sentimentos fossem diminuir e atrofiar, mas isso não aconteceu. Eles crescem a cada dia. Eu a amo mais desesperadamente neste momento do que jamais o fiz, e daqui a uma hora a amarei ainda mais. É injusto lhe dizer isso, eu sei, quando você não pode fazer nada a respeito. - Respirou fundo e trêmulo. - Como você deve me odiar." - Pág. 157


" Espantava-me que outros, sujeitos à morte, viviam, considerando aquele a quem amei, como se não devesse morrer jamais, estava morto; e estando ele morto. Bem disse um de seus amigos, '' tu, metade da minha alma''; pois sentia que minha alma e a dele eram " uma alma em dois corpos": portanto, minha vida era um horror para mim, pois não podia viver pela metade. E portanto, eu talvez temesse morrer, com receio de que aquele que amei morresse por inteiro." - Santo Agostinho, '' Confissões, Livro IV'' - Pág. 171


" Apesar de minha alma viver na escuridão, se erguerá em plena luz. Amei demais as estrelas para temer a noite." - Sarah Williams, '' Tha Old Astronomer" - Pág. 188


" - Eu a amo o suficiente para ter jurado nunca mais falar sobre meus desejos quando ela me garantiu que seria feliz com você, jamais expressaria meu afeto com palavras ou gestos e jamais violaria sua felicidade com ações ou discursos. Meus sentimentos não mudaram, mas gosto dela e de você o suficiente para não falar uma palavra que ameaçasse o que vocês têm. - As palavras jorraram dos lábios de Will; parecia não haver razão para contê-las. Se Jem iria odiá-lo, seria pela verdade e não por uma mentira." ( Will para Jem) - Pág. 190


" - Você sabia?
- Não soube durante muito tempo - respondeu. - Não, eu não seria tão cruel. Se soubesse, não teria pedido Tessa em casamento. Teria me recolhido. Eu não sabia. E, no entanto, agora, enquanto tudo se afasta de mim, todas as coisas aparecem com tanta clareza que eu acho que teria descoberto, mesmo que ele não tivesse me contado. No fim das contas, eu teria sabido. - Ele sorriu um pouco ao notar a expressão rígida de Sophie. - Que bom que não tive de esperar até o fim." - (Jem para Sophie) - Pág. 224


" - Vim para cá porque acreditava que os Caçadores de Sombras fossem monstros que levaram meu irmão. Acreditava nisso porque meus pais acreditam. Mas eles estavam errados. Não somos nossos pais, Gabriel. Não precisamos carregar o fardo das escolhas e dos pecados deles. Você pode fazer o nome Lightwood voltar a brilhar." - ( Cecily para Gabriel) - Pág. 232


" Acho que quando fazemos escolhas, pois cada escolha independe de qualquer outra que tenhamos feito antes, precisamos examinar não só nossos motivos, mas as consequências que elas trarão e se boas pessoas vão se machucar com nossas decisões." ( Cecily Herondale para Gabriel Lightwood) - Pág. 235


" Ela nunca havia pensado no irmão como uma pessoa de sorte, e certamente não esperaria que isso acontecesse hoje, no entanto... no entanto, de certa forma, ele era, sim. Por sempre ter tido a quem recorrer e por não ter de se preocupar constantemente com a possibilidade de estar olhando para as estrelas erradas." - ( Cecily para Gabriel) Pág.236


" Paz, paz! Ele não está morto, não está dormindo,
Acordou do sonho da vida;
Somos nós que, perdidos em visões tempestuosas, mantemos
Com fantasmas um conflito inútil,
E em um transe louco, atacamos com a faca do nosso espírito
Vários nadas invulneráveis. Decompondo
Como corpos em uma câmara mortuária; medo e dor
Nos convulsionam e consomem dia a dia,
E esperanças frias se acumulam como vermes em nosso barro vivo."
- Percy Bysshe Shelley, '' Adonais: an Elegy on the Death of John Keats'' - Pág 237


" - Foram as últimas palavras que a fada me disse hoje à tarde. - Starkweather olhou para o sangue na manga. - Ele disse: " Ela será nossa vingança por todas as suas mortes inúteis. Trará ruína aos Nephilim, Londres arderá, e quando o Magistrado governar tudo, vocês não passarão de um rebanho''. Mesmo que o Consul não queira ir atrás de Tessa por ela, precisam encontrá-la para evitar isso. " - Pág. 259


" A vida era uma coisa incerta, e havia alguns momentos que a pessoa gostaria de se lembrar, registrar de forma que a lembrança pudesse ser acessa mais tarde, como uma flor pressionada entre as páginas de um livro, admirada e apreciada." ( Sophie) - Pág. 288


" - Will, Will, Will. - Ele enterrou o rosto no pescoço dela, onde os cabelos espessos de Tessa ondulavam; ela tinha cheiro de fumaça e água de violeta. Ele a puxou ainda mais forte enquanto ela agarrava o colarinho do Caçador de Sombras, e permaneceram grudados. Por apenas aquele instante, a dor que o comprimia como um punho de ferro desde a morte de Jem pareceu relaxar, e ele pôde respirar." - Pág. 311


" Traga meu arco de ouro ardente:
Traga minha flechas de desenho:
Traga minha lança: Oh nuvens se revelem!
Traga minha carruagem de fogo!
- William Blake, " Jerusalem" - Pág. 338


" Pois até que venha o trovão na trombeta,
A alma pode se separar do corpo, mas nós não
Nos separaremos um do outro.
- Algernon Charles Swinburne, " LausVeneris" - Pág. 355


" - Não achei que fosse ficar brava - disparou Jem, e foi como gelo de uma cachoeira congelada quebrando, liberando uma torrente. - Estávamos noivos. Tessa. Um pedido, uma oferta de casamento, é uma promessa. Uma promessa de amor e cuidado,  para sempre. Não pretendia quebrar a minha. Mas era isso ou morrer. Quis esperar, casar com você, viver com você durante anos, mas não foi possível. Eu estava morrendo depressa demais. Teria desistido de tudo para ser casado com você por um único dia. Um dia que jamais viria. Você é um lembrete... um lembrete de tudo que estou perdendo. Da vida que não terei." - ( Jem para Tessa) - Pág. 379


" - Ouça. Vou embora, mas continuo vivo. Não me afastei completamente de você, Will. Quando lutar agora, continuarei com você. Quando andar pelo mundo, serei a luz a seu lado, o chão firme sob seus pés, a força que guia a espada em suas mãos. Somos ligados, além do juramento. As Marcas não mudaram isso. O juramento não mudou isso. Meramente definiram o que já existia." (Jem para Will) - Pág. 386


" Will. Pensou no menino que entrou em seu quarto na Casa Sombria e a distraiu de seu pavor conversando sobre Tennyson, ouriços e rapazes lindos que faziam resgates, e sobre como eles jamais se enganavam. Naquele instante, ela o achou bonito, mas agora pensava nele como algo completamente, diferente. Era Will, com toda a sua imperfeição perfeita; Will, cujo coração podia partir tão facilmente quanto ser guardado com cuidado; Will, que não amava sabiamente, mas completamente e dando tudo de si." (Tessa Gray) - Pág. 388


" E agora finalmente estou livre e, finalmente, posso lhe dizer, sem que isso a ponha em perigo, tudo que sinto no meu coração.
  Você não é o último sonha da minha alma.
  É o primeiro, o único que jamais fui capaz de evitar. É o primeiro sonho da minha alma, e deste sonho espero que venham todos os outros, uma vida inteira.
  Esperançoso, afinal,
  Will Herondale." - Pág. 399



" Sou Cortana, do mesmo aço e temperamento que Joyeuse e Derendal."
" Tessa olhou para a lâmina brilhante, em seguida para o homem que a segurava. Conseguia enxergar um pouco de Jem nele, como se olhasse para o reflexo de quem ama na água ondulante. Aquele amor, recordado e presente, deixou sua voz suave ao falar.
- Se não tem certeza - disse ela - ,então guarde. Guarde para seus próprios herdeiros. Will preferia assim. Pois não precisa de uma espada que lhe lembre de Jem. Por mais nobre que seja a linhagem." 
( Tessa para Elias Carstairs) - Pág. 403


" - Nós, que não vivemos eternamente, não gostamos de mudanças tanto quanto vocês, que vivem. Estou cansado de perder pessoas - disse Will.
- Eu também - concordou Magnus. - Mas é como falei, não é? Você aprende a suportar.
- Certa vez, ouvi dizer que os homens que perdem um braço ou uma perna podem continuar sentindo dor nesses membros, apesar de não existirem mais - disse Will. - Às vezes, é assim. Sinto Jem comigo, apesar de ter nos deixado, e é como se faltasse um pedaço de mim." ( Will para Magnus). - Pág. 406 - 407


" Havia poucas pessoas para as quais Will tinha de levantar a cabeça para olhar no olho, mas Magnus era uma delas. - Estrela brilhante - disse Magnus, como olhos pensativos, como se lembrasse de alguma coisa ou de alguém. - Vocês, que são mortais, ardem tão ferozmente. E você é mais feroz do que a maioria, Will. Jamais vou esquecê-lo." ( Magnus Bane para Will Henrodale) - Pág. 407




quarta-feira, 25 de outubro de 2017

Notícias | Versão ilustrada de "Animais Fantásticos e Onde Habitam" será lançada em novembro


A Editora Rocco divulgou em seu facebook que a a versão ilustrada da obra de J.K. Rowling, "Animais Fantásticos e Onde Habitam" será lançada no início de novembro. A publicação chegará ao país no mesmo dia de lançamento da versão inglesa, que será publicada no dia 07 de novembro.

A obra de J.K. Rowling, que compila o trabalho do personagem Newt Scamander, será ilustrado por Olivia Lomenech Gill e, na capa, está um Occami, bípede emplumado com asas, corpo de serpente e que põe ovos cujas cascas são feitas da prata mais pura e maleável.

Os lucros da venda desta edição irão para a Comic Relief e para a Lumos, da própria J.K. Rowling, instituições de caridade que ajudam algumas das crianças e jovens mais vulneráveis do mundo a ter uma vida melhor.

Fonte : Editora Rocco e Omelete

segunda-feira, 16 de outubro de 2017

Notícias | Cassandra Clare divulga novo projeto em instagram, vem aí "Os Fantasmas do Mercado das Sombras"


Como não amar Cassandra Clare?

Uma escritora dedicada a seus fãs, que não para de nos presentear com histórias desse universo tão rico que se tornou Shadowhunters. Simplesmente estou amando a nova notícia!


No último sábado (14/10) Cassandra Clare anunciou em seu instagram, uma nova série de contos, que vai se chamará “Ghosts of the Shadow Market“, em tradução livre "Os Fantasmas do Mercado das Sombras."



A série terá Jem como personagem principal ( personagem conhecido das Peças Infernais), além de contos envolvendo Anna Lightwood, Jace, Tessa, entre outros personagens tão amados por seus fãs.


Confira abaixo postagem da autora e sua mensagem abaixo:

" Adivinha?

Uma nova coleção de histórias dos caçadores de sombras está chegando para você!

O Shadow Market (Mercado das sombras) é um ponto de encontro para fadas, lobisomens, feiticeiros e vampiros. Lá, os Downworlders compram e vendem objetos mágicos, fazem acordos escuros e sussurram segredos que não querem que os Nephilim saibam. 

Por dois séculos, no entanto, tem um visitante freqüente do Mercado das Sombras da Cidade dos Ossos, o coração dos Caçadores de Sombras. Como um irmão silencioso, o Irmão Zachariah é guardião, detentor das leis e tradições dos Nephilim. Mas, uma vez que ele era um Shadowhunter chamado Jem Carstairs, e seu amor, então e sempre, é a feiticeira Tessa Gray. 

Siga o Irmão Zachariad e veja, no contexto das negociações sombrias do Mercado das Sombras e suas celebrações festivas, o primeiro romance de Anna Lightwood, o grande pecado de Matthew Fairchild e Tessa Gray se envolver em uma guerra mundial. Valentim Morgenstern compra uma alma no Mercado e a alma de um jovem Jace Wayland encontra um porto seguro. No mercado está escondido um herdeiro perdido e um fantasma amado, e ninguém pode te salvar depois que negociarem seu coração. Nem mesmo o Irmão Zachariah.

Eu estarei escrevendo esta coleção junto com Maureen Johnson, Robin Wasserman, Sarah Rees Brennan e finalista do Pulitzer Kelly Link! “Os Fantasmas do Mercado das Sombras” será publicado da mesma forma que “As Crônicas de Bane” e “Contos da Academia dos Caçadores de Sombras”. A primeira história, FILHO DO AMANHECER, será lançada como um e-book em abril, com sete mais a seguir, um por mês. A versão impressa das histórias será lançada em 2019 (a Walker Books irá publicar Fantasmas do Mercado das Sombras no Reino Unido, Irlanda, Austrália e Nova Zelândia)."


Me diga se não é uma excelente notícia! Teremos mais de Jem Carstairs em breve! Obrigada Cassie! 


Guess what? A BRAND NEW SHADOWHUNTERS SHORT STORY collection is coming to you! The Shadow Market is a meeting point for faeries, werewolves, warlocks and vampires. There the Downworlders buy and sell magical objects, make dark bargains, and whisper secrets they do not want the Nephilim to know. Through two centuries, however, there has been a frequent visitor to the Shadow Market from the City of Bones, the very heart of the Shadowhunters. As a Silent Brother, Brother Zachariah is sworn keeper of the laws and lore of the Nephilim. But once he was a Shadowhunter called Jem Carstairs, and his love, then and always, is the warlock Tessa Gray. Follow Brother Zachariah and see, against the backdrop of the Shadow Market’s dark dealings and festive celebrations, Anna Lightwood’s first romance, Matthew Fairchild’s great sin and Tessa Gray plunged into a world war. Valentine Morgenstern buys a soul at the Market and a young Jace Wayland’s soul finds safe harbor. In the Market is hidden a lost heir and a beloved ghost, and no one can save you once you have traded away your heart. Not even Brother Zachariah... I’ll be co-writing this collection with Maureen Johnson, Robin Wasserman, Sarah Rees Brennan and Pulitzer finalist Kelly Link! Ghosts of the Shadow Market will be published in a similar fashion to The Bane Chronicles and Tales from the Shadowhunter Academy. The first story, SON OF THE DAWN, will be released as an ebook in April, with seven more to follow, one per month. The print version of the collected stories will be released in 2019 (Walker Books will be publishing Ghosts of the Shadow Market in the UK, Ireland, Australia and New Zealand). Teaser art by Davood Diba.
Uma publicação compartilhada por Cassie Clare (@cassieclare1) em